domingo, 22 de janeiro de 2012

Quem teria sido Golias?



"Abrace-me agora até que esta hora tenha se acabado..."
#U2


A trama era bem simples dentro da sua própria complexidade. Era só o mocinho e o vilão cercados por figurantes sem nomes. O elenco era demasiadamente grande para apenas dois papéis relevantes. Amor, medo, saudade, ciúmes, preconceito, ódio, distância, orgulho, rancor, amizade, desejo, solidão. Todos brigavam pelo mesmo papel, mas o amor tomado pelo seu romantismo desacerbado ficou com o papel do Davi, certo ele de um final feliz.  A iluminação não era das melhores, me sentei na quarta ou quinta fila e a visão não era muito privilegiada, mas o áudio estava bom. Um casal ao lado falava sobre o tempo, a tempestade que se formava lá fora era só um presságio pelo que estava por vir. E então as cortinas se abriram dando início ao espetáculo que acabou deixando a plateia em silêncio. Não era dia de Davi... Tenho um certo apreço por um bom abraço e amo essa música do U2. Tem dias em que o que a gente mais precisa é silêncio e um bom abraço. Ainda me recordo do casal que estava ao lado, do silêncio da plateia decepcionada com o fim. Medo,  saudade, ciúmes, preconceito, ódio, distância, orgulho, rancor, amizade, desejo, solidão... A única coisa que não me recordo é de quem teria feito o papel do Golias naquele dia em que o Davi se rendeu ao gigante.


@ChrisRibeiro

2 comentários:

  1. Enigmático....

    quem teria feito o papel do Golias?????


    Beijos trenzin saudades grandes---- enorrrrrrmes!!!

    ResponderExcluir